TotalEnergies lança desenvolvimento de gás Ubeta para abastecer planta de liquefação de GNL da Nigéria

A TotalEnergies, operadora da licença onshore OML 58 na Nigéria com uma participação de 40%, juntamente com a Nigerian National Petroleum Corporation Ltd (NNPCL, 60%), tomaram a Decisão Final de Investimento (FID) para o desenvolvimento do campo de gás Ubeta.

Localizada a cerca de 80 km a noroeste de Port Harcourt, no estado de Rivers, a licença OML 58 contém dois campos atualmente em produção, o campo petrolífero de Obagi e o campo de gás e condensado de Ibewa. A produção de gás OML58 é processada no centro de tratamento de Obite e fornecida ao mercado interno de gás nigeriano e à planta Nigeria LNG (NLNG).

Também localizado em OML58, o campo de condensado de gás Ubeta será desenvolvido com um novo cluster de 6 poços ligado às instalações existentes de Obite através de um gasoduto enterrado de 11 km. O início da produção está previsto para 2027, com um patamar de 300 milhões de pés cúbicos por dia (cerca de 70 mil barris de óleo equivalente por dia, incluindo condensados). O gás de Ubeta será fornecido à NLNG, uma planta de liquefação localizada em Bonny Island com expansão contínua de capacidade de 22 para 30 Mtpa, na qual a TotalEnergies detém uma participação de 15%.

Ubeta é um desenvolvimento de baixas emissões e baixo custo, aproveitando as instalações de processamento de gás existentes da OML58. A intensidade de carbono do projecto será ainda mais reduzida através de uma central solar de 5 MW actualmente em construção no local de Obite e da electrificação da plataforma de perfuração. A TotalEnergies está trabalhando em estreita colaboração com a NNPCL para melhorar o conteúdo local, com mais de 90% das horas-homem que serão trabalhadas localmente.

“Ubeta é o mais recente de uma série de projetos desenvolvidos pela TotalEnergies na Nigéria, mais recentemente Ikike e Akpo West. Estou satisfeito por podermos lançar este novo projecto de gás que foi possível graças aos recentes incentivos do Governo para o desenvolvimento de gás não associado. Ubeta enquadra-se perfeitamente na nossa estratégia de desenvolvimento de projetos de baixo custo e baixas emissões, e contribuirá para a economia nigeriana através de maiores exportações de NLNG”, disse Mike Sangster, vice-presidente sénior para África, Exploração e Produção da TotalEnergies.

Source: TotalEnergies

Leave a Reply