Moçambique: Governo garante “compromisso total” com o restabelecimento da segurança nas reuniões com a Total – Lusa

Durante reuniões sexta-feira em Maputo, o governo moçambicano garantiu à Total o seu “compromisso total” com o restabelecimento da segurança em Cabo Delgado, no norte de Moçambique, facilitando a retoma do projecto de gás da petrolífera, disse sábado uma fonte governamental.

“Transmitimos à Total o nosso compromisso com o restabelecimento das condições de segurança favoráveis ​​à retomada de todos os projectos suspensos por acção dos terroristas em Cabo Delgado”, disse a fonte, sem maiores esclarecimentos.

Os participantes do encontro entre os Ministros dos Recursos Minerais e Energia de Moçambique, Max Tonela, e da Defesa, Jaime Neto, e o chefe de Exploração e Produção da Total, Arnaud Breuillac, “expressaram harmonia e confiança em relação à viabilidade dos projectos de gás no Rovuma bacia”.

Na segunda-feira, a Total alegou uma justificação de “força maior” para retirar todo o pessoal do norte de Moçambique após a escalada da violência armada a 24 de março com um ataque à aldeia de Palma.

O projeto liderado pela Total, com início de produção previsto para 2024 e estimado em cerca de € 20 bilhões, é o maior investimento privado em andamento na África. Suporta uma boa parte das expectativas de desenvolvimento de Moçambique na próxima década.

Grupos armados aterrorizam Cabo Delgado desde 2017, com alguns atentados reivindicados pelo grupo jihadista Estado Islâmico, numa onda de violência que já causou mais de 2.500 mortes, segundo o projeto de registo de conflitos ACLED, e deslocou 714.000 pessoas, segundo o Governo de Moçambique.
Source: clubofmozambique.com

Leave a Reply